EscCinza - FotoOlhar

Ir para o conteúdo

EscCinza

Foto Escala de Cinza
Em ordem de lançamento!
Escala de Cinza 06 Tratamento 01 •
Escala de Cinza 06 Escala 01 • Escala de Cinza 05 Tonalidades 01 • Escala de Cinza 04 Montagem 01 •
Escala de Cinza 07 - Tratamento 01
Por: Vivaldo Armelin Jr. Jul./21
• Apresento neste dia quatro exemplos de conversão para escala de cinza, mas com tratamento diferenciado. Vejam as possibilidades.
Escala de Cinza 06 - Escala 01
Por: Vivaldo Armelin Jr. Abr./21
• Proponho um estudo seguindo a tabela abaixo de uma gradação tonal do preto ao branco, portanto passando pela mistura destes dois neutros e gerando nove tons de cinza, do mais escuro ao mais claro. Compare com as duas imagens abaixo, a original em cores e a segunda convertida para escala de cinza e pela tabela veja com que tom cada cor foi convertida para um dos neutros (preto, cinzas e branco).
• Segunda tabela: abaixo das duas fotografias, contêm outras informações, identificando a quantidade de um dos dois neutros de origem (preto ou branco). O cinza 50%, por exemplo, tem a mesma quantidade de preto e branco.
• As duas últimas fotos têm alto contraste, a primeira indo mais para o preto e a segunda para o branco. Boa análise e experimentação!
Escala de Cinza 05 - Tonalidades 01
Por: Vivaldo Armelin Jr. Ago./20
• Na escala de cinza os tons de uma imagem podem variar, com maior ou menor contraste, com maior ou menor nitidez, com maior ou menor luminosidade, entre outras possibilidades. Nesta matéria apresento quatro exemplos, mas tem outras possibilidades, o importante é ter consciência daquele que se adeque melhor à imagem escolhida. Como nas cores, pode um ajuste de contraste não ser o ideal para uma determinada imagem, está poderá ser ajustada para mais ou menos contraste, vai depender da sensibilidade do fotógrafo.
• Estes ajustes podem vir do momento da captura, quando o fotógrafo ou a fotógrafa, faz os ajustes já pensando na conversão ou na captura original já em escala de cinza. Depois, via software fazer os ajustes mais finos. Parece ser fácil, mas não é, por essa razão é preciso ter um olhar especial, saber analisar os elementos que compões a cena, a maneira como foi feito o enquadramento, a luz, as áreas de luz e sombra, consequentemente, as áreas com contrastes mais ou menos acentuados.
• O segredo está no olhar do fotógrafo e depois daquele ou daquela que irá fazer a conversão e ou ajustes. Nesta primeira matéria as variações entre as imagens não são tão grandes, nem mesmo foram esgotadas as possibilidades de ajustes. E não se preocupe, faça normalmente suas capturas em cores, mas mude a maneira de vê-las, passe a enxergá-las em escala de cinza, inicialmente parece e é complicado, mas com o tempo vai ser uma coisa natural, intuitiva e quase que automática.
• Os softwares mais indicados são aqueles que possibilitam ajustes manuais, como o Paint.Net, o Gimp, o Ashampoo Photo Commander, o Movavi Photo Editor, Corel Paint Shop, Photoshop, Lightroom, ACDSee Photo Editor, entre tantas outras opções pagas, grátis (free) ou livres. Boa experiência e bom trabalho!
Escala de Cinza 04 - Montagem 01
Por: Vivaldo Armelin Jr. Mai./20
• Na fotografia, desde a era da fotografia com filme, revelação do filme e cópia em papel, já se faziam montagens interessantes, mas era muito complexa, pois exigia recortes de negativo ou de ampliações de alta qualidade, para recortes mais precisos, novamente fotografar, muitas vezes pintava-se sobre as emendas com tinta aquarela para eliminá-las.
• Hoje, com a fotografia digital ficou muito mais fácil fazer montagens, basta ter domínio sobre um software de edição de imagem. Nos exemplos usamos a foto de um carrinho miniatura em escala, como modelo em um fundo verde. Fotografado no ângulo preciso para se encaixar na imagem do fundo pelo processo de camada. Para que isso seja possível, é preciso eliminar a área verde e a deixar transparente, salvar no formato .png, evite ao máximo salvar como .gif, pois a qualidade final é horrível.
• Com a transparência do fundo abrir a fotografia que será o fundo e colar como camada a imagem transparente sobre o fundo. Pronto, é só salvar o seu trabalho. Mas salve-o com outro nome para não perder a imagem original. Isso tudo pode ser feito com softwares grátis e livre, foi usado para estes trabalhos o Gimp (grátis e livre) e o Paint.Net (grátis).
Escala de Cinza 03
Maria-fumaça 01
Por: Vivaldo Armelin Jr. Fev./20
• Esta matéria tem por objetivo apresentar as oportunidades temáticas para a fotografia em escala de cinza. A temática Maria-fumaça é interessante e histórica. Muitas cidades hoje em dia recuperaram ferrovias, locomotivas, vagões e carros para turismo, por exemplo: Tiradentes a São João Del Rei - MG; Mariana a Ouro Preto – MG, Campinas a Jaguariúna – SP, Guararema a Luiz Carlos - SP, entre tantas outras opções.
 
• É um tipo diferenciado de fotografia e que pode ser capturada com modelos (pessoas) trajadas com vestimentas de época. Mas, e o equipamento? É óbvio que equipamentos reflex DSLR são as melhores opções, mas você poderá optar por outros, porém, não seja um mero acionador do botão disparador, aprenda a ter um olhar de fotógrafo ou fotógrafa, descubra os ajustes possíveis de seu equipamento para melhorar as suas capturas, estude e analise, antes do disparo, a melhor posição, ângulo e plano, com luz frontal ou luz traseira, luz lateral, esquerda ou direita, luz obliqua, as sombras, a textura etc.
 
• Cada um tem seu "olhar fotográfico" e os resultados, de um único modelo, para diferentes fotógrafos ou fotógrafas, é pessoal e oportunista. Boa experiência e bom trabalho!
Escala de Cinza 01
Tonalidade de cinza 02
• Na seção Exemplo Prático deste mês de março/19 apresentamos uma variante de escala de cinza, a normal e a com alto contraste, ou seja, os tons mais escuros ganham destaque. São vários os softwares (pagos, livres e grátis) que permitem esse tipo de efeito, nós usamos dois, o grátis, IrfanView e o pago (com bom preço e eficiente), Movavi Photo Editor (licenciado).
• São duas leituras diferentes para a mesma imagem em escala de cinza, o interessante é que o alto contraste poderia chegar ao preto & branco, como vemos na última imagem, foi utilizado o software grátis Paint.Net.
• O impacto causado pelo contraste entre as áreas de claro e escuro foi grande a cada conversão, condição que produziu uma nova composição.
• Essa solução poderá salvar uma fotografia que não saiu como desejado. A escala de cinza não leva a salvação, mas o alto contraste poderá sim fazê-lo.
• Ótimas fotografias coloridas convertidas em escala de cinza poderão ganhar destaque e até proporcionar uma nova leitura.
• Faça muitas experiências e treine seu olhar para a escala de cinza. Bom trabalho!
Escala de Cinza 01
Tonalidade
 
• Você poderá variar a intensidade dos tons de cinza para o mais claro e para o mais escuro, condição que irá criar maior impacto, quanto maior o contraste, e suavidade quanto mais para o iluminado. Nesse caso a imagem ganha um ar de fantasia.
• Neste exemplo a conversão para escala de cinza, a imagem à esquerda e abaixo, foi intensificada a área escura valorizando mais a colmeia. Já a imagem à direita foi convertida sem ajustes. Observe que as duas imagens têm a mesma origem, mas ambas proporcionam uma leitura diferenciada.
• Analisando as três, na sua opinião, qual criou maior impacto, qual lhe chamou a atenção, qual você não gostou... Entenda que a sua opinião pode não ser a de outra pessoa, isso é o gosto pessoal. Veja, eu particularmente prefiro a imagem à esquerda e abaixo, pois é mais impactante, mas será que a sua é a mesma?
• As opções de conversão são muitas, vão dos tons mais escuros aos mais claros de cinza, podendo ter o branco e o preto na composição. Essa é uma das possibilidades, há softwares que permitem a conversão para escala de cinza simulando o estilo vintage (velho ou envelhecido) em escala de cinza. Alguns esmaecem, como se a foto estivesse perdendo a intensidade do preto e dos tons de cinza da fotografia.
• O interessante é pesquisar, pois não é preciso gastar grandes fortunas com software para esse fim, por exemplo, o Gimp, Paint.Net, XnRetro, todos grátis, o Gimp é do Projeto de Software Livre - GNU, é grátis, tem código fonte aberto e aceita plugins.
• Bom trabalho!

Câmera 02

FOTO
Convertida para P&B

• A primeira foto é a original e a segunda a mesma convertida para escala de cinza com um software visualizador de imagens, o Irfan View. Este é freeware (grátis) e sempre é atualizado.
• Existem outros recursos interessantes, bem como efeitos, estes serão destacados oportunamente.
• Neste caso a fotografia colorida ganha na riqueza tonal e cromática, quando o veículo é destacado pelo fundo em duas escalas tonais de verde.
• Quando a imagem é convertida para escala de cinza, não é monocromia, esse destaque se perde por misturar um pouco o veículo e o fundo.
• No entanto, a imagem em escala de cinza destaca a forma do veículo. É preciso estar atento a esses detalhes e outros, pois em ambos os casos haverá uma leitura diferenciada entre eles. Se houvesse uma imagem monocromática a leitura seria outra e nessa situação haveria dependência em relação à cor escolhida (azul, amarelo, vermelho, verde, sépia, laranja, marrom, violeta etc.).
• Originalmente o ajuste do equipamento para a captura em escala de cinza produziria uma imagem mais rica, porém, com equipamento compacto simples o resultado poderia ser até inferior em função das lentes, tamanho do sensor, processador etc. Não se está falando em resolução, pois esta unidade de medida identifica o tamanho da imagem e não sua qualidade.

Câmera 01

FOTO
MONTAGEM - EDITADA - AJUSTADA - TRATADA

• Cadê as cabeças? Essa imagem é esquisita, mas possível de ser obtida, não foi por acaso, precisou sim de paciência e atenção. Foram sete tentativas, mas finalmente uma foi obtida.
• É uma imagem não muito interessante quanto ao aspecto estético, mas curiosa quanto a postura das aves.
• O inusitado pode produzir imagens interessantes pelo seu ineditismo e até pela coincidência de movimentos.
• É possível observar que mesmo convertida para preto e branco, em “Efeitos” e “Preto e branco” do Paint.Net, o resultado é o mesmo em relação ao colorido não ajustado.
• Para obter esse tipo de imagem é preciso antever o movimento dos animais e acionar a câmera segundos antes do movimento.

Direitos Autorais
• Todos os direitos reservados! É proibido imprimir, copiar, distribuir (mesmo a título de gratuidade), encartar, reproduzir (por qualquer meio mecânico, eletrônico, digital, fotográficos, filme e vídeo), sem a devida autorização fornecida por escrito pelo proprietário do Site FotoOlhar.com, antigo FotoMBoé.com. Todas as imagens (desenhos, pinturas, ilustrações, fotografias, vídeos etc.), textos, slides show, galerias, apresentações (em Flash, exe, html etc.) foram produzidas por Vivaldo Armelin Júnior que é o detentor dos direitos autorais.
• É permitida a abertura exclusiva online, qualquer outra possibilidade é necessário autorização por escrito fornecida pelo responsável, acima descrito.
Voltar para o conteúdo